O INBOUND MARKETING SE DIVIDE EM 5 ETAPAS:
ATRAÇÃO, CONVERSÃO, RELACIONAMENTO, VENDA E ANÁLISE.

Nosso objetivo é conseguir atingir a pessoa certa, na hora certa. Ao invés de investir em ações de massa, como faz o marketing tradicional há anos, focamos no seu público para atraí-lo, nos relacionamos com ele para ganhar a sua confiança, e assim, influenciamos a sua decisão de compra.

Nosso objetivo é atingir a pessoa certa, na hora certa. Atraímos o seu público, nos relacionamos com ele para influenciar a sua decisão de compra.

O INBOUND MARKETING SE DIVIDE EM 5 ETAPAS:

gráfico etapas do inbound marketing
seta inbound marketing

ENTENDA CADA ETAPA DA NOSSA ESTRATÉGIA

Pense nos primeiros passos que você dá quando precisa comprar algum produto ou serviço. É bem possível que partes desse processo passem pela internet: procuramos para que serve, como usar, valores, o que as outras pessoas estão falando, etc.

Criamos conteúdos otimizados com técnicas de SEO para que seus potenciais consumidores encontrem a sua marca quando estão procurando por respostas em buscadores como o Google, ou seja, exatamente onde procuram e no momento em que precisam.

Como investimos nossa energia na criação de conteúdos dignos de legítima atenção, atraímos muitas pessoas que, por espontânea vontade, se interessaram pelo assunto. Com isso criamos uma audiência muito mais engajada e com mais propensão a consumir o seu produto ou serviço.

Existem algumas ferramentas para fazer essa mágica acontecer e você precisa saber um pouco de cada uma:

.

BLOGSEOMIDIAS SOCIAIS

LINKS PATROCINADOSGOOGLE DISPLAY

ANÚNCIOS GEOLOCALIZADOS

Criamos conteúdos otimizados com técnicas de SEO para que seus potenciais consumidores encontrem a sua marca quando estão procurando por respostas em buscadores como o Google, ou seja, exatamente onde procuram e no momento em que precisam.

Como investimos nossa energia na criação de conteúdos dignos de legítima atenção, atraímos muitas pessoas que, por espontânea vontade, se interessaram pelo assunto. Com isso criamos uma audiência muito mais engajada e com mais propensão a consumir o seu produto ou serviço.

Existem algumas ferramentas para fazer essa mágica acontecer e você precisa saber um pouco de cada uma:

BLOGSEOMIDIAS SOCIAIS

LINKS PATROCINADOSGOOGLE DISPLAY

ANÚNCIOS GEOLOCALIZADOS

seta inbound marketing

De nada adianta conseguir atrair muitos visitantes para o seu site se você não consegue convertê-los em leads. O lead é o usuário que visitou algum canal online da sua empresa e que deixou o contato (nome e e-mail, por exemplo) em troca de algum conteúdo útil para ele.

 

Esse é o primeiro objetivo de uma estratégia de inbound marketing. A partir daí, podemos começar a nos relacionar com essa pessoa.

Convencer alguém a trocar suas informações por um conteúdo que você produziu é uma ótima maneira de ganhar a sua confiança e fazer com que ela fique curiosa em relação ao que sua marca tem a oferecer. Quanto mais visitantes você converter em leads, maiores serão as suas chances de aumentar também a sua taxa de conversão de vendas.

 

Esse é o primeiro objetivo de uma estratégia de inbound marketing. A partir daí, podemos começar a nos relacionar com essa pessoa.

Convencer alguém a trocar suas informações por um conteúdo que você produziu é uma ótima maneira de ganhar a sua confiança e fazer com que ela fique curiosa em relação ao que sua marca tem a oferecer. Quanto mais visitantes você converter em leads, maiores serão as suas chances de aumentar também a sua taxa de conversão de vendas.

A primeira coisa que temos que entender para desenvolver uma estratégia de relacionamento, é o conceito da Jornada de Compra. Existem etapas bem definidas e que devem ser respeitadas, desde a hora em que o consumidor reconhece que tem uma necessidade ou problema, até o ponto em que essa pessoa vai estar pronta para receber uma abordagem de um vendedor.

É muito importante identificar o perfil de cada Lead (persona) e em que fase da jornada de compra ele está para poder fazer uma boa segmentação. Fazer a segmentação dos seus leads é fundamental para poder oferecer conteúdo que faça sentido e manter a conversa sempre relevante.

Ao enviar os conteúdos certos, nos momentos certos, vamos qualificando os nossos leads, ajudando-os a percorrer a jornada de compra mais rápido, acelerando assim o processo de venda.

Ferramentas que utilizamos na fase de relacionamento:

SEGMENTAÇÃO DE LEADSEMAIL MKT

AUTOMAÇÃO DE MKTLEAD NURTURING

Quando você tem uma equipe de marketing que monitora os leads que ainda estão amadurecendo e se relaciona com eles, pode investir todo o esforço da equipe de vendas somente nos leads que estão mais próximos do momento de compra, aumentando assim sua performance de vendas.

Fazendo esse trabalho de inbound sales, seus leads vão chegar muito mais qualificados e preparados para a compra. Porém, é muito importante que a equipe de vendas esteja bem treinada para receber esses leads que chegam com tanta informação. De maneira geral, quanto mais complexo o produto (maior o seu ticket), mais o processo de vendas tem de ser algo consultivo, concluindo o papel da nutrição de leads para concretizar a venda.

Ferramentas que utilizamos na fase de venda:

LEAD SCORINGCRM

seta inbound marketing

Uma das maiores vantagens do Marketing Digital é poder mensurar com precisão seus resultados e comprovar o retorno dos seus investimentos baseado em dados.

É possível saber exatamente quantas pessoas visualizaram, clicaram, baixaram um material ou compraram em cada campanha através de ferramentas de webanalytics. Ou seja, quando temos em mãos todas essas informações, é possível otimizar as campanhas e garantir um melhor ROI (retorno sobre o investimento).

Ferramentas que utilizamos na fase de análise:

WEB ANALYTICSRD STATION

AUMENTE
OS SEUS
RESULTADOS

PEÇA AGORA MESMO
UM ORÇAMENTO