Fluxo de nutrição de leads para melhorar suas taxas de conversão

Construir um relacionamento duradouro com consumidores e criar uma percepção de valor positiva sobre produtos e serviços é o sonho de qualquer empreendedor. Tudo porque isso ajuda a tornar a sua marca a primeira opção que vem à mente do cliente no momento da compra. Porém, para chegar lá, você precisará de uma estratégia bastante consistente e contínua. No marketing digital, o fluxo de nutrição de leads é uma das ferramentas que auxilia na concretização desse objetivo. Neste artigo, você vai conhecer a estratégia e entender como e por que ela funciona tão bem.

Entenda o que é um fluxo de nutrição de leads

O fluxo de nutrição de leads é uma sequência de e-mails enviada a um cliente em potencial que, em algum momento, manifestou interesse sobre alguma oferta da sua empresa e deixou seu contato. Esse interesse se caracteriza pelo download de um e-book ou assinatura de uma newsletter, por exemplo. Essa sequência de conteúdos tem um objetivo final: a conversão do lead em cliente.

Esses e-mails devem conter conteúdo relevante, inédito e interessante que eduquem os clientes sobre o mercado em que sua empresa atua. Com o tempo, sua marca vai se tornar uma fonte confiável de conhecimento e a referência para a tomada de decisão do cliente. Dessa maneira, o processo de aquisição é acelerado, o que reduz o tempo da jornada de compra e, claro, o custo de aquisição do cliente (CAC).

Como criar um fluxo de nutrição de leads

Criar um fluxo de nutrição de leads não consiste apenas em enviar e-mails para sua base de contatos, é preciso conhecer bem o perfil do cliente, mapear o nível de conhecimento sobre o assunto e também acertar no timing e frequência dos conteúdos. E se você quer que seus e-mails sejam abertos e lidos, deverá criar conteúdos realmente relevantes e bem direcionados.

Abaixo, separamos algumas dicas para transformar seus contatos em clientes com auxílio de fluxos de nutrição:

Mantenha uma base de contatos consistente

A base do fluxo é o e-mail marketing, que serve como plataforma de transmissão das mensagens que sua empresa deseja passar. E isso também significa que esses contatos devem ter manifestado, em algum momento, interesse na sua empresa, no seu mercado, nos seus produtos ou serviços. Não adianta comprar uma lista de e-mails achando que isso vai aumentar sua chance de transformar leads em clientes. O máximo que você pode conseguir são usuários irritados com suas mensagens e ter seus e-mails enviados direto para a caixa de spam. Por isso, colete os dados apenas com o consentimento dos usuários.

Segmente e personalize

Desenvolver conteúdo personalizado e relevante é premissa de uma boa estratégia de fluxo de nutrição de leads. Para isso, você precisará saber em que etapas do seu funil de vendas esses leads estão, direcionando o conteúdo mais relevante no momento certo e para a pessoa certa. Recomendo que leia outro post nosso que fala sobre segmentação de leads. É importante frisar que nem todo lead entra no início da jornada de compra e por isso é importante monitorar suas ações online e criar conteúdos para cada etapa e persona.

Seja relevante e útil

Para estimular um lead a seguir o fluxo, sua empresa precisa criar conteúdos originais, que envolvam e despertem o interesse do lead. Isso inclui conteúdos mais abrangentes e profundos, que despertem nas pessoas a vontade de melhorar seus negócios ou suas vidas. Faça com que esses leads entendam que a sua empresa tem a solução para os problemas ou necessidades deles.

Equilibre a frequência de envios

Ninguém gosta de receber muitos e-mails de um mesmo contato. Por isso, você deve dosar a frequência de e-mails enviados de acordo com as interações do usuário com o fluxo de nutrição. Se o e-mail não foi aberto, espere um tempo maior para enviar o próximo, por exemplo.

Monitore e melhore o desempenho

A ideia do fluxo de nutrição de leads é monitorar para entender e melhorar. Se você possui uma ferramenta de automação de marketing, pode extrair insights valiosos e acompanhar o feedback de todo o seu público. Dessa maneira, poderá modificar campanhas e conteúdos que não estejam trazendo os resultados esperados. Modificar, complementar ou mesmo substituir devem ser verbos presentes em toda estratégia de marketing digital. Com o fluxo de nutrição de leads não seria diferente.

Quer saber mais sobre fluxo de nutrição de leads? Entre em contato com a ROOM33 ou deixe suas dúvidas abaixo que teremos prazer em responder.

Compartilhar

Deixe um comentário