Follow up de vendas: por que é fundamental? Entenda!

Você sabe o que é o follow up de vendas? Traduzido livremente ao português, o termo significa “acompanhar” ou “fazer o acompanhamento”. Sua definição não é muito mais complexa do que isso: trata-se do esforço feito para manter-se próximo do lead ao final de cada etapa do processo de venda, com o objetivo de observar se ele está pronto para dar o próximo passo.

O follow up é um processo simples e essencial para o sucesso de toda negociação mas, ainda assim, costuma ser negligenciado por diversos corretores e empresas. Para te ajudar a entender a importância deste processo, vamos desvendar seus desafios e nos aprofundar nas melhores práticas que podem ser utilizadas. Confira!

Os desafios do follow up de vendas

Como dito no início do texto, a despeito de sua importância e simplicidade de aplicação, a etapa de follow up ainda é ignorada por uma quantidade significativa de corretores. Ora, se é simples e útil, por que não é aplicada por toda imobiliária?

Em alguns casos, o follow up é deixado de lado simplesmente porque a imobiliária carece de estrutura e material humano para acompanhar de perto um número grande de clientes. Em outros casos, o follow up é simplesmente ignorado por falta de conhecimento sobre sua função ou por falta de um profissional qualificado para o processo.

Certamente, porém, um dos maiores desafios dessa prática é saber dosar bem a comunicação com o cliente, de modo a se mostrar presente, mas não inconveniente. É isso mesmo. Caso seja mal aplicada, essa estratégia pode causar o efeito contrário, afastando o cliente ao invés de aproximá-lo.

Para evitar que o tiro saia pela culatra, seguem algumas dicas preciosas:

  • Pergunte para seus clientes qual a melhor maneira de fazer o follow up de vendas com eles;
  • Pergunte qual é o melhor canal para entrar em contato;
  • Sempre termine suas conversas com um próximo passo claramente definido;
  • Resuma suas conversas e as registre por escrito, de preferência utilizando um software de CRM;
  • Sempre tenha claro o motivo pelo qual está entrando em contato com seu cliente.

 

Para te ajudar a dominar ainda mais a técnica de follow up, vamos nos aprofundar em algumas de suas melhores práticas:

As melhores práticas do follow up

É importante ter em mente que o follow up não é uma etapa específica do processo de vendas. Ele funciona como um elo, que leva a persona de uma fase à outra, no tempo adequado. Por isso, sua aplicação é necessária desde a qualificação do lead até o período após o fechamento da venda.

Esteja sempre presente

Não deixe o lead sem ouvir de você por muito tempo. Para iniciar o contato, após a qualificação do lead, recomenda-se a realização de ligações, envio de e-mails e mensagens de WhatsApp em dias e horários diferentes por um período de pelo menos 10 dias. Até conseguir contato, estabeleça uma cadência regular de tentativas de contato. Por exemplo, faça disparos de e-mails em intervalos de 3 dias. Vale lembrar que o e-mail ainda é tido como uma das formas mais eficientes de marketing digital.

IMPORTANTE: Não desanime caso não tenha sucesso nas primeiras tentativas de contato. A maioria dos vendedores desiste após a terceira tentativa sem sucesso, e isso é um grande erro. Uma boa prospecção deve fazer entre 7 e 13 tentativas de contato antes do descarte.

O gráfico abaixo mostra que, com três tentativas de contato, há 60% de chance de sucesso, porém com oito tentativas as chances aumentam para 93%.

Inside-sales-benchmark-brasil-tentativas-de-contato

Fonte: Inside Sales Benchmark Brasil

 

Note que determinamos períodos para tentativa de contato e intervalos entre uma abordagem e outra. Isso é importante para evitar que a estratégia de follow up se torne uma pressão inoportuna sobre o cliente.

Mostre-se prestativo e atencioso

É fundamental que o cliente perceba que pode contar com você a qualquer momento, o que eleva o nível de confiança e segurança para continuar a jornada de compra. Desde o primeiro contato, coloque-se à disposição para tirar dúvidas e ajudar no processo. Vale convidar o cliente para uma conversa leve, a fim de quebrar o gelo e iniciar o diálogo.

Ao se despedir, seja por telefone ou pessoalmente, não deixe de marcar um futuro encontro e manter a frequência de contato. Nesse momento, é importante ser proativo e responder prontamente qualquer dúvida ou solicitação.

Aconteça o que acontecer, mantenha o contato

Se a negociação esfriar ou paralisar, não desanime. Mostre que você está à disposição para realizar as alterações necessárias para satisfazer todas as partes.

No caso de um desfecho positivo, mantenha a comunicação e atitude conciliadora até o fechamento do negócio, mas não pare por aqui. É fundamental manter contato com os leads no período pós-venda, a fim de sanar possíveis dúvidas e sacramentar sua posição como autoridade no assunto.

O follow up no pós-venda pode gerar frutos interessantes, desde a indicação do seu serviço a outros leads até um possível retorno de um cliente antigo. Afinal, o processo de qualificação de lead é importante demais para ser desmantelado logo após a venda.

Um follow up de vendas feito de maneira consistente e bem planejada, respeitando o espaço do comprador, é crucial para que nenhum lead seja desperdiçado. Na prática, isso resulta na melhoria do atendimento, aumento das vendas e, consequentemente, em um crescimento significativo dos lucros da empresa.

E aí, ficou clara a importância do follow up de vendas? Quer manter-se informado sobre o marketing digital e imobiliário? Não deixe de assinar nossa newsletter!

Compartilhar

Deixe um comentário